sábado, 21 de novembro de 2009

3 comentários:

.Leonardo B. disse...

[as peças de que se constrói um labirinto, estão diante de nós, como as portas que nos conduzem à sua saída; cegos e sem palavra, permanecemos quietos]

um imenso abraço

Leonardo B.

Flávia Muniz disse...

Sérgio,

você pode não acreditar, mas quando eu morri havia muitas coisas lá. Até som. E eu vi que eu fazia falta. Então, voltei.

;)

Kiro Menezes disse...

Lindo...